Assessor sofre

— Excelência: eu sei que o senhor e seu grupo são chegados a negócios escusos e em recursos não-contabilizados. Sei também que querem sair bem na imprensa, como os paladinos da ética e moralidade. Só que ninguém é besta; as informações correm. Um dia a casa cai. Não dá para ter – e ser – tudo ao mesmo tempo. Não dá pra fazer mágica. Sejam corretos, trabalhem com seriedade.

— Você está me dizendo que sou como eles – os canalhas que critico?

— Não, não. Sei que uns são piores que os outros. O senhor (tome isso como elogio) está no volume morto.

— Meu caro, então saiba: antes que a casa caia, quero encher os bolsos. Se você não tem competência para trabalhar minha imagem da forma que mereço – a melhor, pois mereço a melhor imagem, lutei contra a ditadura etc. –, arrume outra ocupação. Está demitido. Uma despesa a menos para o gabinete. A economia terá boa destinação.

 

Orlando Silveira orlandosilveira@uol.com.brorlando3

Blog: http://orlandosilveira1956.blogspot.com.br/

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s